Sherlock Holmes: The Case of the Silver Earring (PC)

Continuando pelas rapidinhas, o jogo que cá trago agora é o segundo jogo da saga Sherlock Holmes, desenvolvida pela Frogwares. Tal como o seu predecessor, o Mystery of the Mummy, este é também um jogo de aventura point and click, desta vez na terceira pessoa. E também deu entrada na minha conta steam através de um Humble Bundle comprado por uma bagatela há uns anos atrás.

Como não poderia deixar de ser, neste jogo protagonizamos uma vez mais o famoso detective Sherlock Holmes, mas também o seu fiel assistente Dr. Watson, que se vêm convidados para uma festa do magânimo Sir Melvyn Bronsby, um ricalhaço que enriqueceu à custa do colonianismo britânico e que teria um importante anúncio a fazer na festa. E é nessa mesma festa onde acabamos por testemunhar o seu assassinato, dando início a uma extensiva pesquisa pelo culpando, com a história a levar-nos numa trama de suspeita, conspiração e outros homicídios.

Uma vez mais os cenários são pré-renderizados, mas desta vez estão mais polidos

Felizmente este jogo está muito melhor que o seu predecessor, tanto nas mecânicas de jogo, como na narrativa ou mesmo nos audiovisuais. Mas vamos começar pelas mecânicas de jogo. Este é uma vez mais um point and click onde teremos de inspeccionar exaustivamente os cenários em busca de pistas, questionar pessoas e resolver um ou outro puzzle ocasional. A perspectiva desta vez é na terceira pessoa, mas uma vez mais os cenários são pré renderizados, o que nos leva a ângulos fixos de câmara e uma vez mais a alguma restrição nos movimentos, pois apenas nos podemos movimentar onde o cursor do rato mudar para a forma de pegadas. Este é um ponto menos positivo, mas por outro lado acabamos mesmo por fazer um papel de detectives. Para analisar algumas das pistas nos cenários teremos mesmo de usar utensílios como a lupa ou uma fita métrica, bem como o jogo vai tomando notas de todos os diálogos que teremos com as outras personagens, ou das pistas que encontramos. No fim de cada capítulo temos sempre de fazer um resumo das descobertas, respondendo a uma série de perguntas, usando como prova objectos que encontremos ou testemunhos das pessoas interrogadas. É uma mecânica de jogo muito interessante!

À medida que vamos avançando na investigação, poderemos questionar as pessoas sobre diferentes tópicos.

No que diz respeito aos audiovisuais, bom, tal como referi acima os cenários são pré-renderizados, o que uma vez mais não nos dá muita elasticidade para poder jogar este jogo em resoluções mais altas, o que é chato. Mas ao menos não tive os problemas de compatibilidade que tive com o jogo anterior e a verdade é que os cenários desta vez estão muito mais polidos, agradáveis e detalhados. O mesmo pode ser dito das cutscenes em FMV que também estão boas. O voice acting parece-me minimamente competente excepto para a voz de uma criança que aparece algures a meio do jogo. É nitidamente um adulto a fazer voz de criança o que não resulta lá muito bem. A banda sonora é composta por música clássica, de autores como Dvorak ou Tchaikovsky. Bastante agradável, portanto! Pena é por algumas inconsistências nos volumes em certas partes do jogo.

Tudo tem de ser observado ao detalhe, pois pode ser uma pista para um puzzle ou para o mistério em si

Portanto este Case of the Silver Earring, apesar de ainda estar longe de perfeito, acaba por ser uma aventura gráfica muito mais competente que o seu predecessor. Não só por tecnicamente ser mais polido, mas pela jogabilidade ser melhor, fazendo-nos sentir um verdadeiro detective por vezes, e a própria história também acabou por se revelar interessante.

Sobre cyberquake

Nascido e criado na Maia, Porto, tenho um enorme gosto pela Sega e Nintendo old-school, tendo marcado fortemente o meu percurso pelos videojogos desde o início dos anos 90. Fã de música, desde Miles Davis, até Napalm Death, embora a vertente rock/metal seja bem mais acentuada.
Esta entrada foi publicada em PC com as etiquetas . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.