Planet Patrol (Atari 2600)

Voltando às rapidinhas, vamos ficar com mais um joguinho interessante para a velhinha Atari 2600. Tal como os outros títulos dessa consola que analisei aqui recentemente, este Planet Patrol veio do mesmo bundle de jogos, consolas e acessórios que comprei recentemente numa feira de velharias por 25€.

Cartucho solto e já viu melhores dias

Este é um shooter horizontal que, apesar de bastante primitivo, inclui uns quantos conceitos interessantes para 1983. Aqui controlamos uma nave espacial que voa à superfície de um planeta, com o ecrã em scrolling automático da direita para a esquerda. Com a nave a mover-se automaticamente nessa direcção, resta-nos controlá-la para cima ou para baixo para evitar mísseis inimigos e claro, disparar a nossa arma para abater as naves inimigas. Uma vez fechada essa onda, aparece-nos uma nave espacial preta que não devemos abater mas sim tocar. Depois vemos uns 3 geradores no chão protegidos por um campo de forças. Temos de os destruir atempadamente antes de colidirmos com eles! Mas uma vez destruídos, o ecrã fica repleto de destroços pelo que teremos de procurar um caminho seguro para os atravessar. Uma vez passado esse perigo, vemos uma pista de aterragem onde devemos aterrar para sermos reabastecidos com mais combiustível.

Nós controlamos a nave branca. Reparem na sua sombra em baixo

E assim está concluída a primeira vaga. Tal como muitos outros jogos da época este não tem fim e o objectivo é o de sobreviver o máximo de tempo possível e maximizar a pontuação. Um detalhe interessante é que ocasionalmente o jogo vai passando do dia para a noite e quando anoitece não conseguimos ver nada! Apenas quando disparamos é que o ecrã passa a ser visivel por alguns segundos, e é aí que teremos de memorizar onde estão os inimigos para abater e obstáculos para evitar. Mas cada vez que disparamos também perdemos um pouco de combustível portanto o desafio vai-se tornando cada vez maior.

Quando surge esta nave preta, devemos acoplar-nos a ela e resgatar os seus ocupantes

No que diz respeito aos visuais, bom este é um jogo simples tendo em conta o hardware onde corre mas ainda assim tem alguns detalhes interessantes. As naves, mísseis e inimigos no geral parecem mesmo naves e mísseis e a nossa nave tem uma sombra representada na superfície, um detalhe interessante. De resto, a nível de som as coisas são bastante simples também, porém funcionais.

Finalizado tudo isto, é aterrar e reabastecer

Portanto este Planet Patrol, apesar de ser um jogo bastante primitivo para os shmups que estamos habituados hoje em dia, acabou na mesma por me surpreender bastante pela positiva, com alguns dos detalhes que foram ali incluídos.

Sobre cyberquake

Nascido e criado na Maia, Porto, tenho um enorme gosto pela Sega e Nintendo old-school, tendo marcado fortemente o meu percurso pelos videojogos desde o início dos anos 90. Fã de música, desde Miles Davis, até Napalm Death, embora a vertente rock/metal seja bem mais acentuada.
Esta entrada foi publicada em Atari 2600 com as etiquetas . ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.